Grande Oriente Lusitano

ORGANIZAÇÕES MAÇÓNICAS INTERNACIONAIS

O Grande Oriente Lusitano – Maçonaria Portuguesa afirma-se, desde 1802, como a principal referência da Maçonaria em Portugal,  mantendo e fomentando relações institucionais com as Obediências e Potências existentes em Portugal, que reconhece e o reconhecem. A nível internacional, o Grande Oriente Lusitano é filiado em três Associações Maçónicas, nas quais desenvolve a sua ação em aliança fraterna com todas as Obediências nelas filiadas, mantendo relações bilaterais firmadas através de Tratados de Amizade e de reconhecimento mútuo com dezenas de Obediências a nível mundial.

CLIPSAS - Centre de Liaison et d'Information des Puissances maçonniques Signataires de l'Appel de Strasbourg - Centro de Ligação e de Informação das Potências Maçónicas Signatárias do Apelo de Estrasburgo

O CLIPAS foi fundado, em 22 de janeiro de 1961, por diversas Obediências maçónicas soberanas que, face à intransigência crescente de algumas Obediências, lançaram um apelo a todos os Maçons para que se unissem, respeitando a sua soberania, as suas crenças, os seus ritos e símbolos, por uma verdadeira e indissolúvel Cadeia de União Universal. Mais de cem Obediências maçónicas de todos os Continentes integram hoje a organização.

O Grande Oriente Lusitano aderiu ao CLIPSAS em 21 de abril de 1985.

https://clipsas.org/

UMM - Masonic Union of the Mediterranean – Union Maçonnique de la Méditerranée - União Maçónica do Mediterrâneo

A UMM foi fundada em 2000 com o objetivo de reforçar a comunicação entre as Obediências maçónicas do Mediterrâneo. As raízes comuns uniram Obediências de Portugal, Espanha, França, Itália, Eslovénia, Montenegro, Croácia, Grécia, Roménia, Bulgária, Turquia, Líbano e Marrocos.

A UMM constitui uma visão aberta e moderna abraçando as maçonarias do Sul da Europa, Norte de África e Médio-Oriente, na perspetiva de melhor promover o diálogo e assegurar um futuro de tolerância, respeito e partilha com os que sofrem hoje com guerras, fanatismo e todas as formas de supressão da liberdade individual.

O Grande Oriente Lusitano é membro da UMM desde 2007.

http://www.unimasmed.eu/

AME - Alliance Maçonnique Européenne – European Masonic Alliance - Aliança Maçónica Europeia

A AME é uma aliança de Obediências liberais europeias, empenhada no desenvolvimento das relações entre os vários povos europeus, na perspetiva de uma sociedade e de uma humanidade melhor e mais esclarecida, mais livre e igual, trabalhando, na defesa da democracia, da tolerância e da liberdade de consciência, promovendo a Maçonaria como um interlocutor das instituições europeias. 

O Grande Oriente Lusitano é membro da AME desde 2007.

https://www.ame-ema.eu/fr/

ORGANIZAÇÕES MAÇÓNICAS INTERNACIONAIS

O Grande Oriente Lusitano – Maçonaria Portuguesa afirma-se, desde 1802, como a principal referência da Maçonaria em Portugal,  mantendo e fomentando relações institucionais com as Obediências e Potências existentes em Portugal, que reconhece e o reconhecem. A nível internacional, o Grande Oriente Lusitano é filiado em três Associações Maçónicas, nas quais desenvolve a sua ação em aliança fraterna com todas as Obediências nelas filiadas, mantendo relações bilaterais firmadas através de Tratados de Amizade e de reconhecimento mútuo com dezenas de Obediências a nível mundial.

CLIPSAS - Centre de Liaison et d'Information des Puissances maçonniques Signataires de l'Appel de Strasbourg - Centro de Ligação e de Informação das Potências Maçónicas Signatárias do Apelo de Estrasburgo

O CLIPAS foi fundado, em 22 de janeiro de 1961, por diversas Obediências maçónicas soberanas que, face à intransigência crescente de algumas Obediências, lançaram um apelo a todos os Maçons para que se unissem, respeitando a sua soberania, as suas crenças, os seus ritos e símbolos, por uma verdadeira e indissolúvel Cadeia de União Universal. Mais de cem Obediências maçónicas de todos os Continentes integram hoje a organização.

O Grande Oriente Lusitano aderiu ao CLIPSAS em 21 de abril de 1985.

https://clipsas.org/

UMM - Masonic Union of the Mediterranean – Union Maçonnique de la Méditerranée - União Maçónica do Mediterrâneo

A UMM foi fundada em 2000 com o objetivo de reforçar a comunicação entre as Obediências maçónicas do Mediterrâneo. As raízes comuns uniram Obediências de Portugal, Espanha, França, Itália, Eslovénia, Montenegro, Croácia, Grécia, Roménia, Bulgária, Turquia, Líbano e Marrocos.

A UMM constitui uma visão aberta e moderna abraçando as maçonarias do Sul da Europa, Norte de África e Médio-Oriente, na perspetiva de melhor promover o diálogo e assegurar um futuro de tolerância, respeito e partilha com os que sofrem hoje com guerras, fanatismo e todas as formas de supressão da liberdade individual.

O Grande Oriente Lusitano é membro da UMM desde 2007.

http://www.unimasmed.eu/

AME - Alliance Maçonnique Européenne – European Masonic Alliance - Aliança Maçónica Europeia

A AME é uma aliança de Obediências liberais europeias, empenhada no desenvolvimento das relações entre os vários povos europeus, na perspetiva de uma sociedade e de uma humanidade melhor e mais esclarecida, mais livre e igual, trabalhando, na defesa da democracia, da tolerância e da liberdade de consciência, promovendo a Maçonaria como um interlocutor das instituições europeias. 

O Grande Oriente Lusitano é membro da AME desde 2007.

https://www.ame-ema.eu/fr/